JavaScript Disabled. For a better experience on this website please enable JavaScript in your browser.
SGAS 605 Conjunto E, Lotes 34/37 | Brasilia, DF 70200-650 Brazil | 55 (61) 3442-9700 | Contact Us
Jan
26

ENEM, SISU, PROUNI, FIES

Enem – Public & Private Higher Education 


The Brazilian National High School Evaluation (Enem) was created to evaluate the knowledge of students who graduate from High School. It has grown over time and is essential for those who want to participate in Brazilian Federal Government programs and to have access to higher education, such as

  • Unified Selection System (Sisu), which offers openings in public universities;
  • University for All program (ProUni), which offers scholarship to private colleges;
    • FIES, student financing at low rates.

The performance at Enem can also be used to complement the grade of the traditional Brazilian Vestibular or to replace the exams in private college selection courses. The rules as well as the scoring, vary in each institution. 

 

Sisu – Openings to public universities using Enem grades

The Unified Selection System (Sisu) is a Federal Government program that uses students’ Enem scores to classify candidates for openings in public universities without taking the Vestibular.

The Education Ministry (MEC) opened registration for Unified Selection System (Sisu) yesterday, which offers openings at 131 higher education institutions. Students have until January 27th, at 11:59p.m., to register. Students who took the National High School Exam (Enem) in 2016, and did not score zero in the writing exam, can apply for one of the 238.397 openings to universities around Brazil.  Registration must be made via the site do SisuThe number of openings for the first semester of 2017 is 4.5% higher than in the same time last year, when were 228.000 openings.

The results of first list to enter the universities will be available on January 30thThere is a change this year, regarding the criteria to define how Enem grades will be used during the selection that may facilitate students’ entrance. To calculate students’ scores, in the past, the universities defined the minimum weights and grades for each exam. Now, besides this, if the institutions choose, they can define just one minimum average of all the exams to select candidates. There is also the option of using both criteria simultaneously.   

According to MEC this change was made by a request of the universities that wanted to have more autonomy on the process of calculating grades.  Students can change their course options while the system is open, until January 27th, as they notice changes on grades for the openings they are applying for. Minimum score for each opening can change along with the registration process, based on the grades of candidates that are trying the same options.  Students can look for vacancies on the web site, filtering by course, university or city. You must include student’s Enem registration number. 

 

Schedule:

01/24 to 01/27 – registration

01/30 – regular results

01/30 to 02/10 – waiting list period

02/03 to 02/07 – call for regular enrollment

02/16 – call for candidates on the waiting list

 

ProUni – Scholarships to private colleges

University for All Program (ProUni) is a Federal Government initiative that grants scholarships to private institutions. The selection process is free and uses only scores from Enem to classify candidates for 50% or 100% scholarship.

To participate on ProUni the candidate must has taken Enem at the immediate previous year, getting at least 450 points at objective exams and scored more than zero at writing exam. The priority is for those who have monthly incomes lower than three minimum-wage Brazilian salaries.  

Registration can be made twice a year at ProUni Site.

 

FIES – Student financing at low rates

FIES is a Federal Government program designed to finance monthly fees for college at low rates. To participate on FIES, the candidate must has taken Enem after 2010, getting at least 450 points at the overall average of the exams, and scored more than zero on writing exam. There are income requirements that can be changed each selection period.

Registration is free on FIES site: SisFIES.


 

Enem – Ensino Superior Púbico e Privado 


Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi criado para avaliar o conhecimento dos alunos que terminam o Ensino Médio. Foi ganhando importância ao longo do tempo e, hoje é fundamental para participar de programas do Governo Federal de acesso ao ensino superior, tais como:

  • · Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que oferece vagas em universidades públicas;
  • · Programa Universidade para Todos (ProUni), que concede bolsas de estudo em faculdades particulares;
  • · FIES, o financiamento estudantil a juros baixos.

O desempenho no Enem também pode ser utilizado para complementar a nota do vestibular tradicional ou mesmo para substituir as provas em processos seletivos de faculdades privadas. As regras variam bastante de acordo com a instituição de ensino superior, assim como o cálculo da pontuação. 

 

Sisu – Vagas em universidades públicas com a nota do Enem

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) é um programa do Governo Federal que utiliza o desempenho no Enem para classificar candidatos a uma vaga em universidades públicas, sem precisar fazer o vestibular. 

O Ministério da Educação (MEC) abriu ontem o Sistema de Seleção Unificada (Sisu), que oferece vagas em 131 instituições de ensino superior público do país. Até o dia 27 de janeiro, às 23h59, o candidato que fez o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2016 e não obteve nota zero na redação poderá tentar uma das 238.397 vagas nas universidades do país. A inscrição deve ser feita na internet pelo  site do SisuO número de vagas no primeiro semestre de 2017 é 4,5% maior que no mesmo período do ano passado, quando foram oferecidas 228 mil oportunidades. 

O resultado da primeira chamada para as universidades sai no dia 30 de janeiro. Nesta edição, uma mudança nos critérios para definir como será usada a nota do Enem durante a seleção poderá facilitar o ingresso dos estudantes. Antes, para calcular a pontuação dos alunos, as universidades definiam os pesos e notas mínimas em cada prova do Enem. Agora, além disso, se as instituições assim preferirem, poderão definir apenas uma média mínima de todas provas para selecionar os candidatos. Há ainda a opção de utilizar os dois critérios concomitantemente. 

De acordo com o MEC, a alteração foi uma demanda das próprias universidades, que desejavam ter mais autonomia sobre o processo de cálculo da nota. Os estudantes podem alterar suas opções de curso enquanto o Sistema estiver aberto, ou seja, até o dia 27 de janeiro, conforme observem alterações na nota de corte das vagas que estão pleiteando. A nota mínima para cada vaga muda ao longo do processo de inscrição com base nas notas dos candidatos que estão tentando a mesma opção. Na página do Sistema, os estudantes poderão buscar as vagas filtrando por curso, universidade ou município. É necessário informar o número de inscrição no Enem. 

 

Cronograma:

24/01 a 27/01 – período de inscrições

30/01 – resultado da chamada regular

30/01 a 10/02 – prazo para participar da lista de espera

03/02 a 07/02 – matrícula da chamada regular

16/02 – convocação dos candidatos em  lista de espera pelas instituições a partir desta data

 

ProUni – Bolsas de estudo em faculdades privadas

O Programa Universidade para Todos (ProUni) é uma iniciativa do Governo Federal que concede bolsas de estudo em faculdades privadas. O processo seletivo é gratuito e usa somente o desempenho no Enem para classificar os candidatos a uma bolsa de 50% ou 100%.

Para participar, é necessário ter feito o Enem no ano imediatamente anterior, com pelo menos 450 pontos nas provas objetivas e nota maior do que zero na Redação. A prioridade é para quem tem renda familiar mensal bruta de até três salários mínimos

As inscrições são feitas duas vezes por ano no site do ProUni.

 

FIES – Financiamento estudantil a juros baixos

O FIES é um programa do Governo Federal destinado a financiar a mensalidade de faculdades privadas a juros baixos. Para participar do FIES, é obrigatório ter feito o Enem a partir de 2010, com pelo menos 450 pontos na média geral das provas e nota maior do que zero na Redação. Há requisitos de renda, que podem mudar a cada edição.

A inscrição é gratuita e deve ser feita no portal oficial do programa, o SisFIES.

 

Archive
Welcome! Please sign in:

Can't access your account?