JavaScript Disabled. For a better experience on this website please enable JavaScript in your browser.
SGAS 605 Conjunto E, Lotes 34/37 | Brasilia, DF 70200-650 Brazil | 55 (61) 3442-9700 | Contact Us
Sep
12

MAP Assessments @ EAB

Over the past 2 weeks,  students from K5 to G10 at EAB completed their MAP (Measures of Academic Progress) assessments. These are standardized assessments that literally millions of students internationally take, in reading, language usage and mathematics. You may have wondered what that testing experience is like for your child. It is certainly unlike any test you may have taken during your own schooling. Here are some of the features that make taking the MAP assessment unique.

The MAP tests are taken on a computer, online. Students in K5-G2 also use headphones as the questions and options are read aloud. MAP assessments are administered by a company called the North West Evaluation Associates (NWEA), based in Portland, Oregon. They have been in the assessment business for the past 40 years. 

The MAP test is not timed. We want all students to take the amount of time they need to achieve their best performance, and we allow as much time as that requires. This factor can vary greatly from student to student or from subject to subject. We do however, look carefully for time-taking issues. Students who take too little time, clicking through the assessment are monitored closely and at times asked to start the assessment again. Similarly those students who are taking too long to answer questions are counselled by their classroom teachers so that they do not put undue pressure on themselves.

Each student is taking an individualized assessment.  One concern teachers don’t have while monitoring the MAP test is cheating.  This is because no two students are taking the same test. The MAP test is adaptive, which means it responds to a student’s unique pattern of answers.  When he/she gets an item correct, he/she gets a harder question. When he gets it incorrect, he/she gets an easier item. The test continues assessing the student at, below, and above grade level until it determines the level at which that student is getting 50% of the questions correct.  This is where that student is deemed to need intentional instruction.

MAP Assessments are usually taken in the classroom. It is important that our students feel completely at ease when they are taking the tests. For this reason, we administer the assessments in the class, with teachers and whenever appropriate support people present. We want our students to think of these assessments as part of their everyday life at EAB. 

Test questions require a student to use higher level reasoning strategies. MAP question responses ask students to do more than recall information. They ask students to respond using verbs from the Depth of Knowledge (DOK) chart developed in the late 1990s by a senior researcher at the Wisconsin Center for Education Research, Norman L. Webb. Rather than focussing only on question difficulty, DOK questions create complexity by asking students to respond in ways that require application of different types of thinking. Questions use verbs from DOK levels 1,2,and 3. You can see from these examples how the complexity of the task would change between these levels.

Level 1: Recalling a fact, information, or procedure

Level 2: Making decisions as to how to approach the problem

Level 3: Applying reasoning, planning, and evidence to support an answer   

MAP testing gives students a thorough mental workout,  and the majority of our students give it their very best effort.  We believe this is, at least in part, because they trust in a partnership with their teachers and administrators, believing the results from this assessment will be used to accurately identify their learning level, so we can adapt our instruction to help them achieve the most growth.  

Here at EAB, we administer the MAP assessment three times per year, from Kindergarten to G10. In this way we can track your child’s growth over time and ensure that they are making the best possible steps forward in their learning. Very soon we will be sending out the student's results via the new Power School student management system and  on September 26, we will be organising a parent information session that will help parents understand their own child's MAP results. 

 

Lesley Tait

Director of Teaching and Learning

 


 

Avaliações do MAP @ EAB

Nas duas últimas semanas, os alunos do K5 ao 10º ano concluíram as avaliações do MAP (Medidas de Progresso Acadêmico). Estas são avaliações padronizadas cujo, literalmente, milhões de alunos internacionais são avaliados em leitura, uso de linguagem e matemática. Você deve estar se perguntando como funciona essa experiência para o seu filho. Certamente, este é um teste bem diferente dos demais testes que você fez em seu tempo de escola. Aqui estão algumas das características que tornam a avaliação do MAP única.

As avaliações do MAP são feitas online. Os alunos do K5 e do 1º ano também usam fones de ouvido, pois as perguntas são lidas em voz alta. Estas são administradas por uma empresa chamada North West Evaluation Associates (NWEA), com sede em Portland, Oregon e já trabalham neste ramo há quarenta anos.

A avaliação não é cronometrada. Queremos que todos os alunos usem o tempo necessário para alcançar seu melhor desempenho e por isso permitimos que o aluno fique o tempo que achar necessário. Esse fator pode variar muito de aluno para aluno ou de assunto para assunto. No entanto, analisamos cuidadosamente os problemas relacionados ao tempo do teste. Os alunos que fazem o teste muito rápido são monitorados de perto e às vezes pedimos que reiniciem a avaliação. Da mesma forma, os alunos que estão demorando demais para responder às perguntas são aconselhados pelos professores da sala de aula, de modo que não exerçam uma pressão indevida sobre si mesmos.

Cada aluno faz uma avaliação individualizada. Uma das preocupações que o professor não tem enquanto monitora o teste é a cola. Isso ocorre porque não existem dois alunos fazendo o mesmo teste. O teste do MAP é adaptativo, o que significa que ele responde ao padrão único de respostas do aluno. Quando o aluno acerta uma questão, ele recebe uma pergunta mais difícil e quando erra recebe uma pergunta mais fácil. O teste continua avaliando o aluno com perguntas abaixo e acima do nível de seu ano escolar até determinar em que nível ele está de acordo com 50% de acerto das perguntas. É assim que avaliamos onde o aluno precisa de suporte.

O MAP é realizado, geralmente, na sala de aula. É importante que os nossos alunos se sintam completamente à vontade quando estiverem realizando os testes. Por este motivo, administramos as avaliações durante a aula, com os professores ou assistentes presentes. Queremos que os alunos encarem esses testes como parte de sua rotina na EAB.

As perguntas do teste exigem que o aluno use estratégias de raciocínio com um nível mais alto. As respostas do MAP faz com que os alunos possam ir além do que somente recordar um conteúdo. Eles pedem aos alunos que respondam usando verbos da tabela Depth of Knowledge (DOK) desenvolvida no final dos anos 90 por um pesquisador sênior do Centro para Pesquisa em Educação de Wisconsin, Norman L. Webb. Em vez de se concentrar apenas na dificuldade da pergunta, as perguntas do DOK criam complexidade, pedindo aos alunos que respondam de maneira que exige a aplicação de diferentes tipos de pensamento. As perguntas usam verbos dos níveis de DOK 1,2 e 3. Você pode ver, a partir desses exemplos, como a complexidade da tarefa mudaria entre esses níveis.

Nível 1: Recordando um fato, informação ou procedimento;

Nível 2: Tomar decisões sobre como abordar o problema;

Nível 3: Aplicando raciocínio, planejamento e evidência para apoiar uma resposta.

O teste de MAP proporciona aos alunos um treinamento mental completo, e a maioria dos nossos alunos dá o melhor de si. Acreditamos que essa seja pelo menos em parte, a razão de confiarem na parceira com seus professores e diretores, acreditando que os resultados dessa avaliação serão usados ​​para identificar com precisão o seu nível de aprendizado, para que possamos adaptar nossas aulas e ajudá-los a alcançar o seu nível máximo de crescimento.

Aqui na EAB, administramos a avaliação do MAP três vezes por ano, desde a Educação Infantil até o décimo ano do Ensino Médio.  Dessa forma, podemos acompanhar o crescimento do seu filho ao longo do tempo e garantir o crescimento de seu aprendizado. Em breve, enviaremos os resultados dos alunos através do novo sistema de gerenciamento de alunos Power School e, em 26 de setembro, teremos uma sessão de informativa para os pais que ajudará  a entender os resultados do MAP de seus filhos.

 

Lesley Tait

Diretora de Ensino e Aprendizagem

Archive
Welcome! Please sign in:

Can't access your account?