JavaScript Disabled. For a better experience on this website please enable JavaScript in your browser.
SGAS 605 Conjunto E, Lotes 34/37 | Brasilia, DF 70200-650 Brazil | 55 (61) 3442-9700 | Contact Us
Mar
28

Lockdown Drills at EAB

The safety and security of our students and staff is a top priority for the American School of Brasilia. Just as we prepare our children to properly respond to a fire drill, they also need to be aware of the proper response during a lockdown drill. Lockdown procedures are important and would be used in response to an internal or external incident which could be a threat to the safety of staff and students at EAB.

Lockdown procedures may be activated in response to any number of situations, these may be:

  1. A reported incident, disturbance in the local community
  2. An intruder on the site
  3. A warning being received regarding a local risk (i.e. hailstorm)
  4. A major fire in the vicinity of the school
  5. The close proximity to the premises of external danger

Our procedure aims to minimize disruption to the learning environment while ensuring the safety of all students and staff. In order to prepare for these situations:  Our teachers share the procedure with their class and we carry out an emergency drill with the children to ensure that everyone is clear on what they have to do.  

The latest lockdown drill was conducted on May 25th and the drill went as planned.

 


 

A segurança de nossos alunos e funcionários é prioridade máxima para a Escola Americana de Brasília. Assim como preparamos nossos alunos a reagirem a uma simulação de incêndio, eles também precisam saber como agir em situações de trancamento de portas (lockdown). Procedimentos para o trancamento de portas são importantes e podem ser usados em resposta à incidentes internos ou externos que possam caracterizar ameaça para a segurança dos funcionários e alunos da EAB.

Procedimentos de trancamento de portas podem ser iniciados em situações como as descritas abaixo:

  1. Um incidente ou perturbação reportado na comunidade local
  2. Um invasor no campus
  3. Após um alerta recebido sobre um risco local (ex: tempestade de granizo)
  4. Um grande incêndio nas proximidades da escola
  5. Perigo externo nas proximidades da escola

Nosso procedimento é feito de maneira a minimizar a perturbação ao ambiente de aprendizado, ao mesmo tempo em que garante a segurança de todos os nossos alunos e funcionários. A fim de estarmos preparados para essas situações, nossos professores compartilham o procedimento com suas turmas e executamos uma simulação de emergência com os alunos para garantir que todos sabem exatamente o que fazer.

A última simulação de trancamento de portas ocorreu na segunda-feira, dia 25 de março, e ocorreu conforme planejado. 

Archive
Welcome! Please sign in:

Can't access your account?